Sábado, 11 de Junho de 2011

 

A "mulher mais séria do mundo" acha que a presunção de inocência aplica-se em casos de pedofilia, mas jamais em casos de corrupção. Se está tão segura das suas "certezas" porque não solta a língua mais um bocadinho? Pode ser que outros lhe sigam o exemplo...

 

Nota pessoal: Em 2008 já lhe tinha sido lançado o repto. Força Ana, solta a língua!



publicado por Marco Moreira às 21:48
 
redes e bio do autor

                                   

 

Bio de Marco Moreyra

pesquisar neste blog
 
ligações